Um dos maiores festivais de música do Brasil dá o ar da graça em nova data (dias 23 e 24 de outubro) e com novo formato – este ano, ao invés dos tradicionais três dias, o Festival Mada entra no circuito com programação distribuída em dois. Entre as particularidades desta edição, destaque para o domínio dos potiguares: das 19 atrações confirmadas, sete tem suas bases fincadas no RN e uma está dividida entre Natal e São Paulo. Do rock ao pop, do hip hop ao regional, do eletrônico ao funk pancadão, do indie ao metal pesado... tem de tudo no cardápio papa-jerimum!


««MC PRIGUISSA – presente no cenário da música independente potiguar desde 2003, MC Priguissa chega ao Festival Mada na melhor fase de sua – ainda curta – carreira. Buscando inspiração para a 'batida perfeita' ao passear com desenvoltura por estilos como raggamuffin, dancehall, embolada e hip hop, o rapper – que nas ‘horas vagas’ trabalha em uma indústria – figura entre as boas novidades que devem chamar atenção do público e da mídia especializada. Ouça o hit “Essa Boe”, produzido em parceria com o DJ Pro-efX, de Belém do Pará, no endereço www.myspace.com/mcpriguissa.

««CARCARÁ NA VIAGEM – a banda surgiu em 2005 com a proposta de misturar elementos da cultura hip hop com o sotaque regional: onde coco e embolada se fundem com funk, ragga e o próprio hip hop. O resultado dessa fórmula empresta novo fôlego ao gênero, e traz interessantes possibilidades orgânicas e eletrônicas integradas ao esquema rapper (batida marcada e vocal falado). Destaque para a música ‘Vem no bem bolado” – confira na página da banda: www.myspace.com/carcaranaviagem.

««TRICOR – banda criada em 2004 sem muitas pretensões, o antigo trio ganhou musculatura musical ao incorporar os experientes Rogério Pitomba na bateria e Edu Gomez na guitarra. Com vocal feminino, comandado pela dupla Camila e Daniela, a Tricor lançou seu primeiro CD este ano calcada na vertente mais pop do conhecido pop/rock tupiniquim. Ouça em www.myspace.com/tricorbanda.


««CALISTOGA – criado em 2004 no berço do underground natalense, o quinteto formado por Henrique Rocha, Gustavo Rocha, Dante Augusto, Rafael Brasil e Daniel Araújo, apostam numa sonoridade densa – por vezes até confusa – e calcada no estilo ‘garageiro’ de ser. Nesses cinco anos de estrada, a banda já lançou quatro EPs – incluindo o recente "Still Normal", trabalho definido pelos próprios como “post-hardcore-experimental”. Seja lá o que isso signifique, ouça na página www.myspace.com/bandacalistoga.


««DUSOUTO – figura carimbada no circuito noturno natalense, a banda retorna ao palco do Mada escoltada pelo novo CD “Malokero High Society”. Repetindo a dose do disco anterior, o trio formado por Paulo Souto, Gabriel Souto e Gustavo Lamartine comprova que está mais afiado e criativo do que nunca. Faça o download do CD no site www.dusouto.com.br e confira.

««CHICO ANTRONIC EMBOLA DUB – com formação recente, a mascote da programação quer mostrar que a misturar ritmos é a bola da vez, mas peca por traçar um caminho já conhecido por quem acompanhou a banda Folcore em outros tempos – soa tão parecido que parece emular as mesmas ‘mugangas’ já experimentadas. Vamos ver como é a performance ao vivo da banda – metade potiguar, metade paulista. MySpace: www.myspace.com/chicoantronicemboladub.

««FUNK EMBLEMAS – com bom humor e o batidão mais que dançante do funk carioca, a dupla potiguar Funk Emblemas, formada por Danina Fromer e Lu Sabino, promete sacudir o público na sempre animada Tenda Eletrônica do Festival Mada. Ouça “Miguxa do Funk” em www.myspace.com/funkemblemas.




««SICK LIFE – única representante do interior do Estado nesta edição do Festival Mada, o quinteto mossoroense formado por Flávio, Daniel, Rafael, André e Eliabe, conquista uma das vagas com o peso pesado do chamado New Metal. Voz gutural, bateria acelerada e guitarras envenenadas devem sacudir a Arena do Imirá logo no início da sexta-feira. Visite a página da banda no MySpace www.myspace.com/bandasicklife.

[ link original da crítica na Tribuna do Norte ]


|

0 comentários:

Postar um comentário