Artistas do Rio Grande do Norte, Paraíba e Ceará
» Lançamento: Sebrae RN | CE | PB


Verdadeiro mosaico da Cultura e da música produzida nos estados da Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte, a Coleção Esquina Brasil procura evidenciar e divulgar o que muitos de nós já sabemos desde sempre: a riqueza, a diversidade e a qualidade sonora de nossos artistas – potiguares e vizinhos. Composta por quatro volumes: “Regional . Raiz”, “Instrumental”, “Intérpretes . Compositores” e “Rock . Pop”, a coletânea reúne 24 artistas potiguares – entre eles Carlos Zens, Rosa de Pedra, Candeeiro Jazz, Chico Bethoven, Babal, Rejane Luna, Geraldo Carvalho, Cleudo Freire, Pangaio, Songa Também dá Coco, Valéria Oliveira, Khrystal, Mad Dogs, SeuZé, Café do Vento, Chiado de Chinela, Sérgio Groove, Antônio de Pádua, Macacco, as finadas Peixe Coco e Jane Fonda, entre outros nomes.

Fruto da parceria entre os Sebrae do RN, PB e CE com a Associação dos Produtores de Discos do Ceará - Prodisc, a Coleção Esquina Brasil foi lançada oficialmente em julho deste ano com uma tiragem de três mil exemplares, porém o projeto já estava pronto a cerca de dois anos, quando foram produzidos alguns poucos exemplares para distribuição entre parceiros e mídia especializada que participavam da Feira da Música de Fortaleza 2007. Oportunamente, o projeto volta à tona durante a edição 2009 da mesma Feira – que este ano deu um salto na programação ao potencializar palestras e debates, e incluir a circulação de uma moeda complementar chamada Patativa, homenagem alusiva ao centenário de nascimento do poeta popular cearense Patativa do Assaré.

A espera valeu à pena, pois, além da qualidade musical dos artistas selecionados e técnica das gravações, não se pode deixar de salientar o cuidado na escolha do repertório: a cada faixa uma boa surpresa – e o melhor, passa longe do trivial. O ponto negativo da Esquina Brasil é que o lançamento demorou ‘tanto’ que muitos artistas incluídos na compilação nem estão mais na ativa.

Na esquina do continente tem de tudo um pouco: do xote ao coco de roda, do forró ao experimentalismo regional, passando pelo jazz, blues, MPB, pop até chegar ao rock’n roll para desembocar na música eletrônica. Essa significativa amostra sonora recebeu curadoria regional de Nelson Augusto (CE), Josenilton Tavares (RN) e Carlos Anísio (PB), e nacional de Assis Ângelo (PB) e Sílvio Cavalcanti (SP) – Iracema Sabóia, que em 2007 integrava a equipe da Agência Cultural do Sebrae RN, foi a responsável pela coordenação local do projeto.

Entre os nomes paraibanos destaque para o mestre Biliu de Campina, Jessier Quirino, Paulo Ró, Odete de Pilar, as bandas Star 61, Tocaia da Paraíba, Dalila no Caos, Emboscada, Unidade Móvel e Da Silva e a Usina Dub. Os cearenses estão representados pelo Coco de Iguape, Luizinho Calixto, as bandas Dona Zefinha, Alegoria da Caverna, Monophone, O Quarto das Cinzas, Macula e Costa Costa, mais Kátia Freitas, Felipe Cazaux, Macula, Cacau Brasil e Fernando Rosa.


|

0 comentários:

Postar um comentário